Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Próxima Paragem

Próxima Paragem

Comer a marmita no comboio

Bem o comboio chegou.

Entrámos, alguns cheios de pressa porque querem arranjar o melhor lugar e outros, como eu, sossegados, só querem um lugar qualquer para sentar e dobrar as pernas que já doem de tanto andar.

Lá encontro um lugar de vago onde estão mais três pessoas, uma ao meu lado e duas à frente.

Bem, visto que estou bem acomodada, chega a hora tirar a minha tão desejada marmita para fora da mochila, que em geral tem uma banana, um pão de cereais com queijo, fiambre e alface, ao lado tem um taparuer com tomates cherry e um outro taparuer com uma laranja cortada com o garfo de companhia.

É, eu gosto de comer com garfo as frutas que levo. Sem garfo, é só quando tenho frango assado na brasa e de preferência sozinha ou com alguém que já me conhece.

Adiante, não vá começar a crescer-vos agua na boca.

Bem, fico ali tranquila a comer. Mas, não estou a dormir (muito embora é o que mais deseje).

Ora de um lado, ora do outro, tem sempre alguém que gosta de olhar para mim mais que uma vez ou então olha pelo reflexo do vidro. Não me faz grande diferença, é verdade. Mas, quando tiro o garfo (de sobremesa) para fora, olham mais que duas pessoas para mim.

Será que mete medo? Será o garfo, a arma do século? 

Bem, para a laranja é com certeza. 

 

4 comentários

comenta este post