Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Próxima Paragem

Próxima Paragem

Pormenores da grande festa do ano

Passagem de ano 2015

 

Estou prontíssima e estou em "pulgas" para esta noite minha gente.

Que tal estes pormenores, passo no teste?

A verdade é eu nunca fui de amores pela cor preta. Nunca mesmo. O certo é que uma vez vi este vestido e gostei imenso dele, só tinha pena de este ser preto. Contudo decidi experimentar e não é que eu amei? Com uns acessórios de cor, fica top!!!

Entretanto, já comprei outro preto que usei no meu aniversário. Se vos disser o preço nem acreditam, mas passando à frente.

Este ano reparei por acaso, que o que mais se vai usar nesta noite de passagem de ano é vestidos e saias com brilhantes, e as cores variam imenso mas a cor preta está em grande.

Uau... valeu apena comprar o meu vestido este verão passado! 

Eu decidi então conjugar o preto e o vermelho.

Amo de amor verdadeiro a cor vermelha. Não basta o meu casaco de penas para o inverno ser vermelho, como a minha gabardine ser vermelha e a minha camisola com gola grande ser também vermelha, tive de comprar para esta passagem de ano uns botins vermelhos. Adorei. Coisa mais gira.

Se o vermelho está na moda ou não, não sei ao certo e nem me interessa muito. Acho que a gente deve ir como a gente se sente melhor e principalmente com cores que a gente gosta.

Com o preto, como diz o ditado "nunca me comprometo".

Com o vermelho, a minha cor favorita, a cor da paixão, do amor e da sedução, com certeza não terei uma noite em vão.

Até pró ano pessoas, entrem com o pé direito, sem esqueçer depois do esquerdo 

 

Seriam Nazistas ou apenas más pessoas?

A Alemanha é conhecida por imensas coisas, uma das quais pelos Nazistas. O certo é que, como o Mundo anda, qualquer pessoa pode ter uma má intenção, independentemente do motivo.

Hoje vinha eu sentada no metro, sossegada e ansiosa para chegar a casa, quando de repente o metro parou e no momento em que este estava já a fechar as portas um homem levanta-se rapidamente e sai quase que disparado. Deu nas vistas aquele levantar apressado e o facto de ele ter carregado várias vezes no botão para a porta se abrir. E foi-se assim embora. Entretanto, nem 2 minutos depois as pessoas que estavam na carruagem da frente começaram a tossir. Ou seja, estava eu sossegada quando de repente, as pessoas começam a tossir desesperadamente na carruagem da frente e eu a perguntar-me o que se estaria a passar, entretanto o metro para na paragem a seguir. Vejo toda aquela gente a vir para a carruagem de trás e eu só digo "vamos sair daqui"....

Quando começo andar e a ver as pessoas cada vez a chegarem mais perto de mim fico assustada e sinto que algo me entrou pelas narinas, acabando assim por tossir também. Sorte a minha já estava bem perto da porta. O que era eu não sei. Ouvi dizer que seria gás pimenta, o certo é que custou bastante a respirar mas entretanto passou.

Agora pergunto, terá sido aquele tal homem?

Mas porque que ele faria isto?

É possível serem as pessoas assim tão más a ponto de lhes dar prazer de fazerem tais coisas?

Dentro do metro, na carruagem da frente, iam duas crianças acompanhas com dois homens. Eram estrangeiros, não sei ao certo de onde mas a língua parecia-me Árabe.

Agora fico a pensar se não terá sido um acto de racismo?!

O certo é que ninguém esta seguro em lado nenhum, o que muitos pensam ser o País mais acolhedor pode ser mesmo o mais assustador. Ou não.

Os Colegas de Trabalho e as Guloseimas

Não à um único dia em que ninguém me pergunta o mesmo.

E se ninguém pergunta nada, é porque o Mathias não esta. Sim, pois ele se estiver nem sequer pergunta, vem logo com o seu "taparuer" e diz para eu tirar uma goma, uma bolachinha feita pela mama, um rebuçado ou até um chocolatinho. Com colegas assim vale apena trabalhar, não é verdade?

Quase todos tem aquela ideia de que, se a gente trabalha durante a noite deve comer doces para ter energia ou então deve-se beber bebidas doces, como ainda à pouco tempo vi um colega a beber um litro de Coca-Cola com toda a satisfação do mundo. Eu não concordo. Faço questão de comer o que me oferecem porque me sabe bem. Somente por isso. Até tenho momentos que não aceito mais nada, visto que eles vêm mais que uma vez perguntar se quero alguma coisa. São queridos, lá isso é uma verdade. Mas ás vezes, quando são realmente muitos dias seguidos acho demais.

Mas bem, adiante. Hoje foi a minha vez de levar umas gomas que é o que eles cá comem mais de preferência da marca "Haribo". Para quem não conhece, "Haribo" é uma marca Alemã de produção de guloseimas. Esta tem mais de 6.000 empregados, 5 fábricas na Alemanha e mais 13 no resto Europa. O seu slogan é "Haribo faz as crianças e os mais velhos felizes" em alemão é "Haribo macht Kinder und Erwachsene froh ebenso"... nada difícil,ah? 

Comprova-se. Deixa todos com um sorriso no rosto.

Lá andava eu de "taparuer" na mão a perguntar quem queria e em geral todos querem.

Entro contente e saio contente.

Sei que embora sejamos todos diferentes, com personalidades nada parecidas e as vezes andemos ás "turras" existe pormenores em cada um de nós que me faz ter a "minha" equipa como a minha segunda família. Acho que apesar de tudo o ambiente é bom e trabalhar assim tem um gosto especial, vocês não acham?

Façam o mesmo para os vosso colegas. Não tem de ser sempre. Quem sabe isso até não vira algo divertido e não duvido que a maioria vai gostar.

Fica a dica.

Dos melhores de sempre, o meu ano 2015

Foi dos melhores de sempre, não apenas para mim mas para nós.

O meu mais que tudo superou, exactamente como eu, todas as expectativas.

Ainda no ano de 2014, mas já no final, termina-mos o nosso curso de Alemão, e logo no inicio do ano de 2015 encontrei o emprego da minha vida, onde sou reconhecida pelo meu meu trabalho e esforço.

Ele entrou mais tarde, batalhou um pouco mais, teve piores momentos, mas nada que não lhe seja super gratificante neste momento. Sabem que cá não à essa de "conhecimentos" ou "cunhas", até porque gosto pouco disso. Aqui existe esforço e estuda-se para poder chegar algum lado e ser avaliado e reconhecido por isso mesmo. 

Este ano foi cheio de surpresas boas. Novo e bom emprego, cursos através da empresa que nos ajudaram imenso em muita coisa, principalmente a melhorar o nosso alemão.

Viajamos até à Grécia e foi maravilhoso. As praias, as comidas, os passeios, o hotel e tudo com uma mistura de sorrisos, beijos e abraços que são sempre bem dados e recebidos.

Amesterdão...oh esta viagem então, nem se fala!!!!

Foi das viagens mais gratificantes de sempre. Vimos tanto, conhecemos muitas coisas, comemos muito bem e aquele passeio de barco pelos canais da cidade foi e será sempre inesquecível.

Visita-mos a Casa da Lego em Berlim, com o meu irmão de 8 anos, estão a imaginar, não estão? Foi o aniversário dele e para surpresa, esta "prenda" foi a verdadeira loucura. Para nós e muito mais para ele. Lembro-me que caminhamos imenso a pé. Em Berlim dá para fazer o centro quase todo a pé, mas é cansativo. Foi muito bom. Gostei imenso e ele também.

No Verão fomos passar um Domingo também a Berlim, aproveitar os 40 graus para dar um passeio de barco. Adorei. Estava um calor que não se aguentava mas nada como água gelada para arrefecer.

Em Novembro fomos uma semana a Portugal. Comemos bem, fomos ver os amigos e as famílias, mas como sempre nunca se vê toda a gente. Um dia a noite fomos matar as saudades das idas ao cinema, tivemos um Natal antecipado com algumas pessoas da parte do meu mais que tudo, entretanto festejei o meu aniversário na terra Natal e fui ver o mar. O suficiente para se fazer em uma semana.

Por fim terminamos o ano em Praga. Nestas alturas natalícias gostamos muito de ir conhecer os mercados de natal e por estas terras frias, o Natal é lindíssimo e muito bem vivido. Já temos ideia onde queremos ir no próximo ano, mas ainda falta muito. Até lá mudamos de ideia. Ou não. 

Foi um ano em cheio de muitas coisas boas.

Sei que chegará os anos menos bons um dia, mas como tudo, fará parte da vida. Até lá, há que aproveitar o que a vida tem de bom para nos oferecer e viver esta intensamente, aproveitando assim cada dia da melhor maneira possível, sempre ao lado de alguém que nos ame de verdade. 

Bora lá ser feliz e saborear tudo o que este novo ano 2016 tem para nos dar.

 

Bom Ano Novo para todos vocês. 

 

Musical da Broadway, Grease

Não é do meu tempo, ainda sou muito nova ao lado deste "velho" musical.

Dos anos 70 é até hoje o filme musical de maior arrecadação de bilhetes nos Estados Unidos.

A minha Mãe diz que o foi ver ao cinema e que na altura foi um sucesso.

Não me admira nada, ainda hoje é. Dou por mim a ouvir várias vezes e gosto imenso 

Venha daí a Passagem de Ano

Ah, passagem de ano! Espero o ano inteiro por ti.

Adoro esta festa. Para mim é sem duvida a melhor do ano.

Musica, animação, foguetes, cores, vida, pessoas a festejar, a cantar, a brindar, é tudo uma festa... Adoro,adoro,adoro!!!!

E este  ano, vai ser em grande. Estou super ansiosa. Já não sei pensar em outra coisa.

Dizem que ano novo é vida nova. Bem, eu cá dispenso a vida nova.

Estou muuuuuito bem como estou, só quero é continuar assim.

Poderia até pedir muitas coisas, mas quero apenas as que para mim são essenciais. Saúde e Amor. 

Saúde porque sem ela não conseguimos ter todo o resto das coisas boas que a vida nos dá e amor porque para mim é essencial na minha existência e na minha forma de vida.

Que venha daí o Ano Novo, tenho bastantes planos e muitos deles estão cada dia mais perto de se concretizarem. 

Vocês já pensaram como é bom dizer o "Ano passado"? E até mesmo recordar as coisas boas e más?

Faz tudo parte da nossa aprendizagem nesta vida. Todos os dias coisas novas, que nos surpreende pela positiva ou negativa. Estamos seeeempre aprender e é tão bom! 

Posso-vos dizer que os últimos seis anos da minha vida tem sido os melhores de sempre e os últimos quatro os mais intensos, românticos e os mais bem vividos.

Na vida, até as coisas acontecerem tudo é uma certeza, que até lá, não passa de uma incerteza.

Por isso mesmo, confio muito, acredito muito em mim e nos meus objectivos. Nas minhas capacidades, e o ter esta confiança em nós é meio caminho andado para a gente vencer e não ter medo de nada. Contudo, também sou um ser humano e tenho os meus maus momentos. Mas, esses costumam durar pouco, porque os meus sonhos são muito, mas muito maiores do que qualquer outra coisa e quase nada, muito menos ninguém me "destrói" com facilidade. Sinto-me cada vez mais forte e confiante, talvez porque já aprendi o suficiente com muitas coisas e pessoas, mas ainda me falta aprender o resto, o resto que espero de armas apontadas prontinhas a disparar.

Acredito que este ano que vai entrar será de muitas conquistas e de mais alguns sonhos realizados. 

O importante é ter saúde e admito que tenho feito para que esta melhore.

Estou super entusiasmada com a passagem de ano. E vocês? Já escolheram a cor das vestimentas?

Eu já, mas não digo 

 

 

 

A Pequena e Encantadora Cidade de Praga na Época Natalícia

Praga, posso muito bem chamar esta cidade como "A cidade Europeia da Arquitectura" e poderia começar mesmo pela "Casa Dançante", mas nunca mais sairia daqui com as histórias, fotografias e tudo mais que vi e aprendi, nesta que é das cidades mais faladas para visitar, principalmente no inverno quando cai neve.

SAM_2100.JPG

SAM_2108.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para mim esta foi das cidade que conheci com mais influencia no que diz respeito a antiguidades, não que eu "ligue" muito a este género de coisas, mas em qualquer canto da cidade existe uma loja de antiguidades, à quem as chame de "museus".

SAM_2058.JPG

SAM_2062.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Situada na Boémia central, Praga é "decorada" com estatuas de grandes soldados/militares de outros tempos, abundante de torres e miradouros, cerca de 500 torres estão espalhados pela cidade, bastantes conventos, mosteiros, igrejas e praças, assim como edifícios barrocos e góticos.

Pontes elegantes no qual se destaca a Ponte Carlos, situadas todas elas no rio Moldava.

SAM_2086.JPG

SAM_2092.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Apartamentos bastante trabalhados, muitos e muitos museus também preenchem toda a cidade. 

SAM_2097.JPG

 

SAM_2104.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma das coisas que gostei em particular foram as ruas (que não eram muito largas), assim como as portas ou portões, como queiram chamar (eles eram enormes) de alguns apartamentos e casas. Em especial estes dois que achei muito bonitos e trabalhosos, um deles era do Consulado Italiano.

SAM_2122.JPG20151220_113817.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SAM_2078.JPG

SAM_2124.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Praga

O Castelo de Praga que é atracão principal e deixa qualquer um encantado. Durante a noite como podem ver é

deslumbrante a paisagem com de fundo.

Grandeza de monumentos com abundância e uma grande imensidão de artesanato, no qual os cristais mais se reflectem aos nossos olhos. Brilham tanto que nos deslumbram. Sim, porque Praga é conhecida pela Cidade dos Cristais.

O centro histórico possui 866 hectares e é tão valioso que, em 1992,  foi distinguido pela UNESCO como património cultural e natural da humanidade.

É claro, que não posso deixar de vos falar sobre o grande e famoso Relógio Astronómico de Praga.

Relógio Astronómico de Praga

Este foi feito pelo relojoeiro Mikulás. É um dos relógios mais antigos e detalhados do mundo.

O relógio é formado por três componentes principais: uma esfera astronómica que indica a hora e a posição do sol e da lua, uma esfera com medalhões que representam os meses, e um mecanismo que mostra a cada hora a procissão dos Doze Apóstolos.

Todos os dias das manha a noite, o relógio ganha vida. Para além do movimento mecânico dos apóstolos, existem outras estatuas que se movimentam na parte externa do relógio.

Estes distinguem, algumas das coisas mais receadas pelas pessoas que ali vivem hoje em dia: avareza, vaidade e morte.

O relógio astronómico de Praga indica várias horas: a hora astronómica, a centro-europeia, a checa antiga e a babilónica. Este relógio é o único no mundo que pode dizer a hora babilónica.

Existe uma lenda que conta que o criador deste relógio foi cegado após ter terminado este magnifico trabalho, para que não recriasse em nenhuma outra cidade, ou até que fizesse um melhor. Mas dizem, que por vingança, o relojoeiro Mikulas estragou o relógio antes de morrer e o amaldiçoou.

Dizem também, que todos os homens que tentaram consertar o relógio enlouqueceram ou morreram.

Se é verdade ou não, ninguém sabe, mas que ele é muito bonito lá isso é!

Esta não é a primeira vez que vou a Praga e espero que não seja a ultima, mas esta vez fui para conhecer o mercado de Natal.

Para mim as festas de Natal, têm como nome Magia, e o Natal de Praga não foge a regra.

Pinheiros, decorações, arvores iluminadas pela rua fora e luzes com várias formas enchiam e davam mais vida as ruas estreitas desta encantadora cidade.

 

SAM_2166.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No centro existe o pinheiro de Natal mais LINDO e bem enfeitado que já vi até hoje. 

SAM_2180.JPG

Em todos os mercados de Natal que percorri na Alemanha, este ganhou apenas no pinheiro de Natal, pois todo o resto, os mercados de de Natal na Alemanha são bem melhores a começar pela comida.

Este tem imensas barraquinhas, mas a variedade não era muita. 

Praga

Mas aquele doce que eu conheço como "Baumstrizel" estava em grande nesta cidade, pois ele era feito na brasa e é maravilhoso.

20151220_140321.jpg

SAM_2158.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Basicamente o que valeu para mim foi mesmo o pinheiro, a decoração e este doce que eu adoro.

A noite na cidade é lindíssima e acredito que com neve deve ser mais ainda.

Gostei deste pequeno passeio por terras checas, numa altura em que a maioria das cidades ganham mais luz e alegria em qualquer canto escondido.

 

 

 

 

O Natal acabou? E agora? Quando vamos jantar todos novamente?

Pois é, lá se foi mais um Natal.

Este ano fomos só dois e foi muito bom na mesma, embora as crianças é que dão vida a esta festa. Sem elas não é a mesma coisa. 

Hoje em dia, mesmo longe estamos perto e a tecnologia ajuda e existe para isso mesmo.

Conversas, gargalhadas, choro de saudades, fotografias, tudo através do valioso Skype e do Messenger.

Já foi tempo onde só se falava por cartas, mas para mim ainda não deixou de ser o método mais bonito.

Adoro receber cartas escritas a mão.

Oh, é a coisa que mais recebo ao longo do ano!

Mais um ano em que uns ligam apenas no Natal, em que muitos só querem ficar bem vistos por isso mesmo e não só.

Mais um Natal em que dizem o mesmo de sempre aproveitando a verdadeira frase "Não tive tempo, sabes como é, desculpa"... pois.... (o ano tem 365 dias, só para lembrar!!!), mas também tem muitos que não ligam sequer, provavelmente nem se lembram. Enfim...

Mais um Natal em que tudo é perfeito e toda a gente é feliz e desejam o melhor. Em nome de um egoísmo inconsciente e de uma bondade equivocada abraçam tudo e todos.

Vá, nada de ser realista! Afinal quem sou? Alguém que apenas e somente liga e escreve para os mais importantes e os que ainda acho que merecem. Não peças nada daquilo que não fazes, não é assim?

Pois, falta saber o porque de eu não o fazer mais, o porque de eu ter mudado tanto e aí sim, a conversa mudaria. Aposto que eles dizem exactamente o mesmo.

Mas falando do Natal, ele é mesmo isto, não acham? Acho até na verdade que isto faz parte.

É uma celebração em que muitos negam o que têm e parecem ser o que não são.

É um momento em que aceitamos tudo o que vem de fora sem criticar, pelo menos na frente.

 

Todos os anos é assim e ninguém é diferente.

Entretanto, dou por mim aqui e a pensar que nem vale apena escrever algumas das tantas verdades que nunca ninguém gosta de aceitar, pois é sempre preferível não pensar nelas, muito menos ter de as ler.

E eu que ainda fico mal vista... Oh, mas que asneira a minha!

Contudo, não posso deixar de vos dizer que na minha opinião, a grande maioria dos seres humanos tentam em dois dias reaver a Paz perdida, o Amor abandonado, a Harmonia com a família que não se vê ou não falam à imenso tempo, a Fraternidade entre todos os que se esquece o ano inteiro... enfim, é uma junção de Alegria e Esperança que não é vista em 365 dias do ano e que de repente se transforma. Talvez, pelo sentimento de querermos sempre fazer e querer o melhor para todos e esquecendo com isto, tudo o que não é bom de lembrar, falar e até mesmo de ouvir.

O Natal já acabou, e com ele continua a minha certeza de que os mais importantes são os que devemos ligar, conversar, dar o nosso tempo e o melhor de nós também, não só nestes dois dias, mas também nos restantes dias do ano.

A verdade é que são extremamente poucos, mas os suficientes para tudo ser mais verdadeiro e emocionante. 

Mais um ano em que o Natal é vivido da mesma forma, só com a mais recente diferença que a ironia está cada vez mais presente neste dia. 

Saudade...

O longe se faz perto. 

A distancia não impede boas palavras, sorrisos e lágrimas de alegria.

Alegria de saber que estão bem, mesmo que não se encontrem com mais ninguém.

A Saudade sentou-se a meu lado e lembrou-me o quão distante estou deste lado.

Vocês não estão perto, mas sinto o vosso calor, pois vocês são com certeza, a prova de que, o que não falta é amor.

Estamos juntos na mesma e com a certeza que estaremos juntos um dia numa mesa......

 

 

Pág. 1/3