Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Próxima Paragem

Próxima Paragem

Tortilhas mexicanas caseirinhas

Perfeito para rechear com o que a gente mais gosta.

Por exemplo:

Paté de atum, alface e tomate

Fiambre, queijo, alface, tomate, pimentos cortados aos palitos

(que é como faço muitas vezes)

Carne picada com molho de tomate (típico mexicano, porém leva mais umas coisas)

Encher género cachorro quente (salsicha, batata frita aos palitos, cebola frita)

É só usar a imaginação 

Deixo-vos aqui a receita para seis/sete tortilhas mexicanas. 

Super simples:

460g de farinha

1 colher de chá de fermento 

1 chávena de chá de óleo (eu utilizo óleo de coco)

1 chávena de chá de água morna

sal q.b

Acrescento também:

pimenta q.b

chili em pó q.b

orégãos q.b

sementes de sésamo q.b

 

Juntar todos os ingredientes dentro de uma bacia de inox ou de plástico e amassar até ficar consistente.

Para a massa levedar eu costumo pousar esta em cima do tabuleiro do forno. Previamente, coloco um pouquinho de farinha no tabuleiro, assim posso pousar a massa e esta não se cola no tabuleiro.

Por debaixo do tabuleiro coloco uma bacia com água bem quente e o vapor desta vai fazer com que a massa comece a levedar.

Porém, tapo toda a massa com película transparente e pelo menos três panos de cozinha, para não entrar ar e o calor ficar todo ali de baixo.

Passado trinta minutos (já esta levedou) vou tirando com a mão pedacinhos da massa, fazendo uma pequena bola e achatando esta com as palmas da mão.

Estendo esta com um rolo. Não muito finas, mas não muito grossas.20160425_234148.jpg

Em seguida aqueço um frigideira ou mesmo o meu grelhador eléctrico (que é em chapa), coloco um pouquinho de óleo de coco (menos que uma colher de café) e em seguido a tortilha, para esta ficar com esta cor maravilhosa que vêm na foto.

20160425_235626.jpg

 

O processo é simples e fácil! 

Não devem ficar demasiado tempo na frigideira pois podem ficar estaladiças.

Pode-se também congelar as mesmas depois e utilizar só quando for necessário. 

Óptimo para um lanche!

Pelo menos, este costuma ser o meu muitas vezes 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

»Próxima Paragem«

 

 

 

Como dizer a um colega de trabalho que, ele cheira intensamente a suor?

Cheirando

 

Não sei meus caros, eu não sei! 

Lamento, mas não sei mesmo!

 

Mas juro que um dia vou arranjar coragem para perguntar se ele/a não sente o seu próprio cheiro!

Credo! Aquilo é de morte! Como é possível?

Hora de começar a trabalhar, ainda eu mal tinha chegado perto da minha colega e já sentia aquele cheiro hediondo, como se para além de não ter trocado de roupa (pois ela chega andar cinco dias com a mesma... sim...cinco dias), não deve de tomar banho e já para não falar do seu sorriso amarelo. 

A Primavera pede cores bonitas e claras, mas não o amarelo nos dentes!

É possível em pleno século XXI haver ainda seres que não devem saber o que é água, lavagem de roupa e que já existem todos os tipos de desodorizantes, escovas e pastas dos dentes possíveis e imaginários?

Honestamente, acho que os chefes, deveriam chamar atenção. A sério. Deviam. 

Com calma, conversaram e darem umas dicas, para perceberem que nós, equipa, não temos de andar aqui quase a "desmaiar" com o cheiro dos outros. 

Nota-se perfeitamente quando existe um desleixo e quando não existe.

Trabalhamos todos os dias juntos e isso dá bem para perceber. Do mesmo modo que, quando existe alguém com verdadeiros problemas corporais acerca do cheiro a suor (que não é só das axilas, do cabelo também), a gente sabe ou descobre, como é o caso de um colega lá. No entanto, este sabendo o problema que tem, anda com a mesma camisola uns bons dias!

Se é possível? É sim.

Eu fico espantada com estas coisas. Nem oito nem oitenta por amor da santa! 

Houve um dia que eu "fugia" só para não trabalhar com determinada pessoa.

Era IM-PO-SSÍ-VEL.

E quando chega aquele momento em que eu (tipo, eu?) cheiro-me, pois começo incrivelmente achar que, se calhar, até sou eu que cheiro mal?!

É impossível, mas até me conseguem deixar na duvida!

Mesmo que tenha tomado um banho, passado o meu creme que cheira tão bem, mesmo passando o desodorizante e tendo eu colocado um pouquinho de perfume, esta gente consegue-me deixar a cismar por uns minutos.

Lógico é, que ninguém está livre de cheirar a suor, mas cheirar exageradamente a suor é outra coisa.

Isto é paranóico!!! Só pode.

Pior é que devem gostar!